framework


Agora podemos desenvolver aplicativos e sites com serviços de conversão de video, através da FFlib.Net, podemos criar facilmente sites no estilo youtube, metacafe, entre outros.

FFlib.Net é uma biblioteca em c# baseada no FFMPEG para conversão de video, confira mais na página oficial.

Página Oficial: http://www.intuitive.sk/fflib/

Post migrado:

http://programatik.soucafecomleite.com.br/csharp-operacoes-string

Post migrado em:

http://programatik.soucafecomleite.com.br/dica-csharp-dataset-nulo

Quando utilizamos o zend framework para cada action chamada ele faz forward automaticamente para uma pagina do mesmo nome e quando estamos utilizando AJAX esse não é o objetivo. Para resolver esse problema basta colocar a linha no corpo da action.

  $this->_helper->viewRenderer->setNoRender();

Alguns tutoriais antigos que coloquei sobre AJAX eu utilizava uma página que apenas ecoava o objeto, isso não é necessário utilizando o recurso acima e para colocar o objeto no response para poder ler na página basta fazer.

$this->_response->appendBody($objJson);

Se você tentar usar JSON para consumir webservices/page methods, talvez você recebe a exceção maximum length exceed. Para resolver isso, altere seu web.config.

<system.web.extensions>
              <scripting>
                     <webServices>
        <jsonSerialization maxJsonLength="5000000" />
                     </webServices>
              </scripting>
       </system.web.extensions>

Estou usando o mootools para facilitar a criação do objeto request xml.


function ajax(){
            var pagePath = window.location.pathname; 
            var opcoes =   
            {   
                 "method":"post",   
                 "data": "{}",   
                 "urlEncoded": "false",
                 "headers": {
                                "Content-Type": "application/json; charset=utf-8"
                            }, 
                 "onComplete": completou   
            };   
            var ajaxObj = new Ajax(pagePath + "/testeAjax", opcoes).request(); 
}

function completou(result){
    var obj = Json.evaluate(result);
    alert(obj.d); // se tiver usando .net framework >= 3.5
    alert(obj);  // qualquer outro .net framework 
}

O que o pagepath faz?
Apenas pega o conteudo da url e concatena com o nome do pagemethod que foi implementado no code-behind.
Ex.:

http://localhost/default.aspx = default.aspx/testeAjax

No code behind:

        [WebMethod()]
        public static string  testeAjax()
        {
            return "teste";
        }

O pessoal do zend liberou a versão 1.6 RC 1(Release Candidate), quem quiser testar as novas funcionalidades.

http://devzone.zend.com/article/3712-Zend-Framework-1.6-Release-Candidate-1-now-available

Próxima Página »